Antes de sabermos se o seu veículo está atrasado ou não, vamos entender o que define um “atraso” e aprender um pouco sobre o funcionamento do seu dispositivo.

Dentro do seu dispositivo, há um chip 3G, como o de um celular. Este chip recebe e envia informações via satélite para realizar a triangulação e, assim, estabelecer a localização e atualização no painel. Seguem algumas informações importantes sobre este processo:

  • O tempo de atualização ideal é de 5 em 5 segundos. O período máximo a que pode chegar, dependendo de condições externas como falta de sinal, é de no máximo, 15 em 15 minutos.
  • O dispositivo só capta informações e se mantém atualizado se estiver conectado corretamente ao veículo e continua mandando pulsos até a bateria esgotar.

O tempo de atualização estipulado é pensado com base no tempo de recuperação de sinal médio dos sinais de telefonia quando os veículos estão em movimento. Se a atualização estiver dentro do ideal, a visualização do status será a seguinte: 

Caso haja um atraso na atualização superior a 15 minutos, podemos considerar o veículo como atrasado. Neste caso, o símbolo ao lado da listagem do veículo será o seguinte:

O relógio também aparece para veículos que estão desligados. Se você tiver um veículo que está em movimento e apresenta este símbolo, não hesite em reportar o problema (hyperlink para artigo sobre reportar problema) pelo painel — esta é a maneira mais rápida e eficiente para o nosso time de suporte identificar e fornecer informações sobre o ocorrido por e-mail.

Dica: Ao identificar um possível atraso, é importante checar se o dispositivo está de fato conectado ao veículo antes de reportar problema. Esse cuidado é importante, pois, uma vez que o aparelho é desconectado do veículo, o dispositivo deixa de enviar e receber informações. Os alertas (hyperlink para artigo sobre isso) no seu painel servem justamente para identificar toda vez que um dispositivo é removido ou reconectado . Fique de olho.

Encontrou sua resposta?